Please reload

Posts Recentes

FIESP e CIESP apresentam propostas ao Governo para apoiar as micro, pequenas e médias indústrias durante a crise

April 2, 2020

1/5
Please reload

Posts Em Destaque

Médica oncologista adverte para importância da qualidade de vida na prevenção do câncer de mama

November 12, 2019

 Em palestra no CIESP Sorocaba, Dra. Alice Francisco destacou a alimentação e a prática de exercícios físicos como fatores que estimulam a melhora da qualidade de vida

 

Encerrando o “Outubro Rosa”, na quinta-feira (31/10), a Regional Sorocaba do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) promoveu uma palestra de conscientização sobre o câncer de mama. O evento, realizado em parceria com a Verbo Comunicação e a Associação Comercial de Sorocaba, por meio do Núcleo Mulher de Negócios, reuniu cerca de 30 mulheres ligadas ao setor industrial.

 

Ministrada pela mastologista Dra. Alice Francisco, fundadora do Pense Pink Br, a palestra alertou as participantes sobre a necessidade de se fazer exames periódicos e a importância do autoexame. “Como existem diversos fatores envolvendo o câncer de mama, muitas vezes não é possível evitar a doença, mas podemos detectar logo no início e isso faz toda diferença. As estatísticas são de quase dois milhões de pessoas com algum tipo de câncer diagnosticado no mundo. Então, cuidados como exames clínicos de rotina, mamografia anual – principalmente depois dos 40 anos – e o autoexame são importantes para o diagnóstico precoce”, explicou a médica.

 

Segundo a mastologista, a maioria dos nódulos são detectados pela própria mulher ou por seu companheiro. “O objetivo do autoexame é ver se existem nódulos e observar se tem retração, vermelhidão ou mudança na textura da pele. Além de apalpar, é importante olhar a mama no espelho e movimentar os braços para observar se isso promove alguma alteração visível no formato das mamas”, alertou a palestrante.

 

 Participantes da palestra de conscientização sobre o câncer de mama.

 

Para mulheres com mais de 40 anos, a mamografia é o exame indispensável para rastrear o câncer de mama. “Se formos buscar os estudos médicos, este é o único exame que comprovadamente reduziu mortalidade do câncer de mama. Por isso, toda mulher com mais de 40 anos tem que fazer este exame uma vez por ano”, ressaltou doutora Alice, lembrando que outros exames podem complementar a mamografia, mas não substituí-la.

 

A palestrante explicou ainda que quando descoberto o câncer de mama, existem várias formas de tratamento e a paciente é acompanhada por uma equipe multidisciplinar. “A conduta é definida de acordo com o estágio da doença, dependendo do tamanho do nódulo, por isso nossa insistência para descobrir precocemente a fim de que a abordagem seja a menor possível. O tratamento é feito por diversos profissionais: mastologista, oncologista, psicólogo, nutricionista, fisioterapeuta e, em alguns casos, o cirurgião plástico”, esclareceu.

 

Hábitos saudáveis

 

A palestrante reforçou a importância de se ter bons hábitos alimentares aliados à prática de atividades físicas. “Quando a gente recebe um diagnóstico de câncer, é fundamental orientar a paciente para que ela mantenha uma rotina saudável, pois isso impacta positivamente na resposta do tratamento e as chances de cura são comprovadamente maiores”, advertiu.

O tabagismo, conforme observou a doutora Alice, é um dos maiores vilões pois está diretamente relacionado com muitos tipos de câncer. “A cada cinco mortes por câncer, uma tem relação com cigarro. Além disso, a obesidade é outro grande fator de risco, pois 25% dos tumores nos homens e 50% nas mulheres estão relacionados com o excesso de peso”, enfatizou.

 

A espiritualidade é também um aspecto relevante no tratamento. “É muito importante a gente estar em paz com a gente e com todo o resto. É claro que todo mundo tem problemas, principalmente quando a pessoa está enfrentando uma fase de doença, mas estar em contato com a sua espiritualidade, independente de religião, é benéfico para o tratamento”, completou.

 

Para a gerente regional do CIESP Sorocaba, Eva Paulino, o papel da entidade é disseminar cada vez mais a informação. “Assim como nossa sociedade discute políticas públicas de combate ao feminicídio, temos que alertar também sobre a importância da qualidade de vida, os fatores de risco e as possibilidades de prevenção do câncer de mama. Esta semana foi sancionada a lei 143/2018, que estabelece o limite de 30 dias para realização de exames para confirmação de diagnóstico de câncer no SUS. A nova lei entra em vigor em 180 dias, prazo que o Ministério da Saúde tem para regularizá-la, e é responsabilidade de todos nós cobrarmos que ela seja cumprida”, destacou a gerente.

 

Já a coordenadora do Núcleo Mulheres de Negócios da Associação Comercial de Sorocaba (ACSO), Adriana Cruz, afirmou que cuidar do próprio corpo é um ato de amor. “Muitas mulheres acabam não indo fazer os exames preventivos por medo de detectar a doença, então é nossa missão levar a informação para o maior número de pessoas, principalmente quando temos a oportunidade de participar de uma palestra com uma profissional tão renomada como a doutora Alice”, enfatizou.

 

Para a empresária e conselheira do CIESP Sorocaba, Débora Cristina de Souza Rosa, o evento foi relevante para que as mulheres possam entrar em contato com o tema. “É necessário que a gente tenha esse encontro para focar no assunto. O mês de outubro é marcado por ações em relação ao combate do câncer de mama.  Porém, o cuidado deve ser diário e fazer parte de nossa rotina. Fazer exames periódicos ou mesmo o autoexame é fundamental para nossa saúde e é nosso dever levar essas informações para nossas casas, famílias, funcionárias e difundir cada vez mais”, ponderou.

 

O cerimonial do evento foi conduzido pela jornalista Simone Sanches. O CIESP Sorocaba fica localizado na Av. Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, 3.260 – Alto da Boa Vista. Outras informações pelo telefone  (15) 4009-2900 ou pelo site www.ciespsorocaba.com.br.

 

Informações para a imprensa:
Vergili Press Office Comunicação Integrada
(15) 3033-1404 - contato@vpocomunicacao.com.br
Diretora executiva:
Carla Acquaviva - (15) 99760.4004

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Siga-nos nas Redes Sociais!

 ® Vergili Press Office 2017. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Os Marketeiros